Let me be.

Já faz um tempo que pouca coisa me causa um reboliço por dentro. Um tempo que eu não escrevo e evito ler constantemente. Que me marquem profundamente sem sair correndo depois. Já faz um tempo de tanta coisa, sabe? As palavras são essas: tempo e distância. Elas melhoram um bocado.

Não estou muito certa se consigo continuar além dessas três linhas. Tem que ser verdadeira, a escrita. Nada forçado. Na vida também é assim. Então.. let it be. Let me be.