Espera insuspeitada

O vestido branco de renda me cai perfeitamente no corpo, os cabelos estavam um pouco bagunçados, presos em um rabo de cavalo meio frouxo e a cara amassada denunciava que tinha acabado de acordar. Estou aqui, sentada no mesmo banco de sempre da praça, segurando as mesmas flores de nunca.

No horário de todos os dias você aparece; Bordado de um querer-ainda-insuspeitado, você se aproxima de mim - Bom diiia, olha as flores que eu trouxe pra você, amoooor - e passa - a música para - você não percebe, como também não havia notado a minha presença ali.

Veja: As minhas flores já estão quase murchas, coitadas. Você é tão desatento e anda sempre tão apressado, Moço. Eu te espero aqui. Aqui. Se você prestasse um pouco - só um tiquinho - mais de atenção... Se ao menos olhasse para o lado.

13 comentários:

Felipe Braga disse...

Eu senti. E senti algo doído no seu texto.

Eu percebo que você está melhorando a cada texto. Atingindo um grau que se distancia da marca que já virou clichê nos blogs.

E, assim, você encanta mais e mais.

Beijos.

Noh Gomes disse...

Certas melhores são com o tempo, amém, e perceber o lado tb é tempo.

Beijoooo

Luciana Brito disse...

Vivemos olhando para frente, mas eu já ouvi muitas vezes que é importante olhar para os lados, pois é lá que o amor pode estar.

beijo, Bê!

Mariana Andrade. disse...

Se parasse de só olhar e começasse a enxergar...

Maria Rita disse...

"Olhar só pra dentro é o maior desperdício porque o amor pode estar do seu lado"

Me fez lembrar dessa música!

Beijos pra Ti

Má Midlej disse...

VÉI, porque seus textos parecem roteiros de cenas? Até a trilha sonora voce deixa implícita. Tá danadinha ein? >_<'
De qualquer forma, eu tenho adorado sua poética. rsrs


Mas não fique mais esperando, menina besta, vai lá e fala ''ESCUTA AQUI SEU OTÁRIO...''dai dps voce vire as costas e saia. Aposto um big big que ele vem. eles sempre vêm. :)
Tá, alguns demoram tanto que a gente desiste, mas eles vêm...

rsrs

lô colares. disse...

Bê, sério mesmo, é uma injustiça contra o resto do mundo você ser tão incrível assim.

Fernand's disse...

olhado para o lado...
ou para dentro!


rsrs

bjs meus

lô colares. disse...

não tenho mais motivos pra escrever, é triste, mas acontece.
um dia, quem sabe, quando eu encontrar algum potinho com os dizeres drink me e me inundar de inspiração.. aí eu volto.

Marcelo Zaniolo disse...

Antes de mais nada, desculpa.
Conheci teus textos pelo Marcelo e Fernanda e nem seque me dei conta de que tinhas umblog próprio.

Erro meu, que pretendo saná-lo vindo aqui mais vezes =)

Quanto ao seu texto, show! Eu já tinha percebido que você escreve bem, mas ficou ainda mais claro que vocë contextualiza muito bem a cena. Deu para eu visualizá-la aqui! Hehe

Parabéns!

E quanto ao seu comentário no meu Blog (obrigado pela visita, alias), fico feliz que tenhas gostado. E de verdade eu nem me importo em falar sobre o tema, sabe? Já faz bastante tempo...

Beijo e boa semana =)

Marcelo Zaniolo disse...

sequer*

Eu, Thiago Assis disse...

adorei a descrição "bordado de um querer-ainda-insuspeitado"
^^

Carla Dias disse...

Essas coisas do coração...
Poderiam ser mais simples, né?!
Ou nem tão simples, menos doído, talvez.

Beijo, querida!