De dentro pra fora

Se tudo isso for pouco pra você, me desculpe, não há nada que eu possa fazer.

O que tenho dentro de mim, entrego-te.
O arrependimento, a aflição e a angústia que penetraram em minh'alma; A tristeza e a dor pungente que assolam o meu peito; O gosto amargo das palavras-quase-bonitas que ficou na minha boca; A agonia violenta que se apossou dos meus pensamentos, desde então.

Leva só isso contigo e não ouse voltar.

7 comentários:

Luciana Brito disse...

Leva tudo que for ruim e deixa só o aproveitável.

Beijo, Bê!

Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ NARA CABRAL Ƹ̵̡Ӝ̵̨̄Ʒ disse...

deixe levar o que te aborrece e deixe coisas boas fluir
beijo

Nathi Delacroix disse...

E quando tu dá tudo que existe, dos males a todo o teu amor?

Será que o outro deve ousar voltar?

Luara Q. disse...

quanta intensidade!

so sad disse...

SÓ ISSO!
amei!
beijo

Má Midlej disse...

Eu acho é muito, viu?

@bamoretti disse...

Intenso!